quarta-feira, 1 de agosto de 2012

NANNAI Beach Resort

...





O Nannai é um resort que fica localizado no litoral sul de Pernambuco, na praia de Muro Alto, à 54 km de Recife e à 9km de Porto de Galinhas.
Tínhamos dúvidas se a escolha seria interessante, isto porque, o lugar, além de ser objeto de desejo dos recém-casados, é opção certa para quem deseja descansar e gozar de certa privacidade. Porém, nunca tínhamos escutado relatos de pais que quisessem viajar para lá com seus filhos, principalmente bebês.

No entanto, o que esperar de um resort que, segundo a revista Viagem e Turismo, foi considerado o melhor do Brasil no ano 2011/2012? Tudo de bom, certo? Certíssimo‼!

imagem extraída do site oficial do Nannai

Por isso, faço questão de relatar a nossa hospedagem neste lugar, para que vocês saibam que, se escolherem passar alguns dias lá, não se arrependerão.

Para facilitar a leitura, descreverei o texto de hoje por pontos.


Da Visão Geral do Nannai

O resort é cercado por um belíssimo jardim tropical. Apesar de não ser tão grande, tem uma assinatura própria, que prima pelo conforto, requinte e privacidade, dando um charme todo eloquente ao local.

jardim externo, próximo à recepção
área de passeio

A maioria dos bangalôs, releituras próprias daqueles da Polinésia Francesa, ficam situados em pontos mais reservados, somente alguns próximos à área central. Os quartos, por sua vez, ficam próximo à recepção e a área da piscina.

Engana-se quem pensa que os quartos são simples, pois a estrutura é muito boa! Eu e meu marido, por exemplo, optamos pelo apartamento por acreditarmos que a estadia ali nos daria mais segurança, haja vista que, à época, a nossa bebê contava com 6 meses de vida e já engatinhava – e, diferentemente, ter uma piscina rodeando o bangalô, ainda que maravilhosa, não nos daria esta segurança.

A parte de lazer e as atividades oferecidas são bacanas, inclusive para as crianças, mas só é possível encontrar as opções nos murais afixados na entrada do restaurante e na recepção.

Por outro lado, a privacidade dos hóspedes é regra, por isso, eles nunca serão importunados para fazer determinada atividade, que estará sempre à disposição de quem tiver interesse. Razão esta que também não há música alta à beira da piscina, o que foi muito bom, pois a nossa proposta era relaxar. Além do mais, Melina era muito pequenininha e o som alto poderia incomodá-la.

Mas, isso não quer dizer que as crianças não têm espaço, pois no Nannai podemos encontrar o Kids Club, área propriamente destinada à bagunça dos pequenos.

E, dentre as atividades ofertadas para os adultos, vimos as opções de esportes náuticos, além de outras que ocorrem na piscina, no salão de jogos, ou, ainda, na quadra de tênis e de golfe.

O acesso à internet é muito caro, mas, quem quiser, pode ter acesso ao mundo virtual tanto no cyber-café, como via wi-fi. Sinceramente? Não entendo porque muitos resorts não disponibilizam internet gratuita, já que hoje isto é algo tão acessível e de pouco custo.

No Nannai, também encontramos fitness, para quem não perde a chance de malhar um pouco, boutiques, salão de beleza e lavanderia. 


Da Receptividade

Ao chegarmos ao Nannai, fomos recepcionados com champagne e água de coco. Em seguida, prestaram-nos as informações iniciais, como horários das refeições, atividades disponibilizadas, transfers realizado até a praia de Porto de Galinhas, além das demais atividades e serviços ofertados.


Do Quarto

Espaçoso, muito bem decorado e limpo. Possuía uma varanda igualmente espaçosa, no entanto a vista dava para o jardim tropical - não que fosse ruim, mas que seria melhor a vista para o mar, isto seria‼!

Logo que adentramos ao quarto, percebemos que sob à mesinha de apoio havia um cartão de boas-vidas juntamente com uma garrafa de Chandon e uvas. Sob à cama, uma colcha de renda e flores vermelhas.

um mimo na chegado ao quarto

a cama era um parque de diversões para a picurruxa!

Mas, como não estávamos em lua de mel, e o importante aqui é informar sobre o hotel na visão de pais de bebê, vamos lá.

Melina não foi uma mera acompanhante, pois o Resort fez questão de mostrar quão importante era a presença dela. Em seu berço, colocaram uma boneca e um cartão com a seguinte informação: “Melina, meu nome é Nanni. Estava esperando por você. Vamos brincar?”. Achei muito fofo‼! Nota 1000.

o mimo exclusivo de Melina

O berço também merece destaque, pois foi a primeira vez que nos hospedamos em um hotel, cujo berço era de verdade (e não um cercadinho). O enxoval era delicado e confortável.

bercinho

Também colocaram à nossa disposição um carrinho de bebê. A propósito, no ato da reserva, solicitei o berço, o carrinho e banheira – portanto, não esqueçam de fazer tais solicitações quando forem se hospedar em qualquer hotel, pois a quantidade é sempre limitada.

O banheiro era espaçoso. Não havia banheira, mas um chuveirão. Se eu não me engano, não há banheira em nenhum dos quartos, somente nos bangalôs. Também possuía secador de cabelo e alguns amenities que, infelizmente, não eram da Loccitane, produtos estes oferecidos apenas a partir deste ano (2012).

As roupas do berço, de cama e de banho eram trocadas diariamente. 

Após a troca da roupa de cama, as camareiras deixavam um saquinho de sequilhos, típico biscoitinho nordestino. À noite, abriam a cama e deixavam chocolates.

O quarto era equipado com frigobar, TV com canais à cabo, DVD, rádio-relógio, um bom guarda-roupa e, lógico, ar-condicionado.


Do Restaurante

No restaurante, nos deliciamos com a comida regional e internacional. Fica ao lado da piscina e é o único, mas isso está longe de ser um problema.

O regime do Resort é meia pensão, estando inclusos na diária o café da manhã e o jantar. No entanto, eles oferecem aos hóspedes um delicioso e farto chá da tarde como cortesia. Vou falar por partes:


- Café da Manhã

Tudo delicioso e muito bem servido. Várias opções de comidas tipicamente nordestinas – e, vamos combinar, tem coisa melhor do que café da manhã nordestino? Sucos, frutas, bolos regionais, tapiocas, omeletes, pães e mais pães, cereais, iogurtes… tudo fresquinho e muito delicioso. Enfim, um farto café da manhã.

Na época, Melina já estava comendo frutas amassadinhas e bebendo sucos. Então, no café da manhã, além do leitinho que tomava antes de irmos ao restaurante, ela se deliciava com água de coco ou suco de maçã ou de laranja lima, além de comer mamão ou melão ou banana amassadinha.

Ah, preciso dizer que o chef foi muito cortês, pois sempre passava em nossa mesa para perguntar se gostaríamos que ele preparasse alguma dejejum especial. Ele, inclusive, fornece receitas de alguns pratos lá servidos – eu mesma pedi a receita do bolo de milho, um dos melhores que já comi. 

Com a barriguinha estufada de
papinha de legumes e suquinho de laranja,
nada melhor do que o colinho do Papai!

Não posso deixar de comentar que no Buffet do café da manhã era oferecido champagne, que os hóspedes poderiam levar para a beira da piscina, ou, então, para a área da praia – neste caso, eles forneciam uma taça de acrílico.

um brinde às manhãs vividas
neste paraíso chamado Nannai!

- Jantar

Igualmente, muito bem servido, farto e variado: saladas, queijos, massas, risotos, carnes vermelhas, peixes e aves, além de uma variedade de sobremesas. Ah, toda a noite havia uma atração musical ao vivo.

Como no horário em que jantávamos a nossa pequena já se encontrava dormindo (no carrinho, ao lado da nossa mesa, lógico), o jantar dela era oferecido às 18h, junto com o chá da tarde. O resort oferecia papinha de legumes aos bebês, como cortesia, tanto na hora do almoço, como no jantar. No entanto, cobrava-se um valor à parte se a papinha era batida com qualquer tipo de carne. 

- Chá da Tarde

Bem ao estilo inglês, o chá da tarde é oferecido entre às 17h e 18h. Quem vai se deliciar desta cortesia, só consegue jantar após às 21h, pois são oferecidos bolo e mais bolos, pães, frios, quiches, tortas frias, tapiocas, omeletes, sucos, cafés, chás… era tanta opção deliciosa‼! Só indo lá para conferir‼! 


- Almoço

Como falei acima, para Melina, eles preparavam uma papinha de legumes com carne – muito boa, por sinal. Diferentemente, como eu e meu marido acordávamos tarde e ficávamos à beira da piscina, comendo uns petiscos, o almoço não fazia parte do nosso cardápio diário – na verdade, almoçamos apenas 2 dias e, por isso, posso dizer que no Buffet só tinham coisas deliciosas e apetitosas, principalmente para uma mamãe que, assim como eu, adorava comer e se encontrava com 18kg acima do peso (essa é a hora de sorrir e dizer, valeu a pena perder o controle, mas, de volta à realidade, e com 13 kg a menos, digo que não me arrependo de nada :), mas chega de comilança – risos!!).


Da Área da Piscina

O complexo possui uma única piscina, com 6.000m2 de área, que abarca toda a parte central do resort e cujas profundidades são variadas, para o deleite de crianças e adultos. 

festa!

A temperatura é agradável, mas o aquecimento é natural do maravilhoso sol que faz em Pernambuco. 

brincando na piscina!
uma pose para a foto!
Ao redor da piscina, ficam mesas e cadeiras, guarda-sóis, além de espreguiçadeiras redondas e fabricadas com fibras de bambu, onde, por muitas vezes, Melina tirou uma boa soneca.

visão parcial da área da piscina!

Encontramos, ainda, muitas folhagens tropicais (botânica realmente este não é o meu forte) e coqueiros‼! É lá que também ficam o restaurante e a academia de ginástica. Ah, ao lado da academia tem o local onde são retiradas as toalhas que os hóspedes podem usar na piscina ou na praia.

O atendimento do bar é impecável. Infelizmente não lembro o nome dos garçons, mas eles foram muitíssimo atenciosos e eficientes, razão pela qual merecem toda referencia neste post.

O resort também disponibilizava uma mesa com algumas opções de frutas, além de castanhas e dois tipos de caipirinhas.

Ah, merece destaque um detalhe, por volta do meio dia, o Chef oferecia deliciosos empratados aos hóspedes que ficavam à beira da piscina, cada um mais apetitoso que o outro.


Da Cozinha Baby

O hotel oferece uma cozinha baby, com itens de praticidade para uso das mamães e dos papais, como microondas, esterilizador de mamadeira, liquidificador, detergente, esponja e papel toalha. Bem, pelo que me lembro, era isso‼!


Do Serviço de Baby Sitter

Optamos por contratar uma Baby Sitter do próprio resort. Dos 8 dias de hospedagem, ela ficou conosco por 3 dias seguidos, e a diária era de 6h. 

A pessoa que contratamos foi de uma atenção e gentileza ímpar. A todo o momento ela ficava às nossas vistas, na área coberta, enquanto Melina dormia. No final, acho que valeu a pena, pois ela não só cuidava de Melina, mas das coisas com ela relacionadas, como limpeza das mamadeiras, copinhos, pratinhos, roupinhas, etc. Além de brincar bastante com a nossa picurruxa na área coberta do hotel, ou no Kids Club.


Do Kids Club

O Kids é pequeno e, para Melina, não havia tanta opção de entretenimento, mas não esperava muita coisa, haja vista que ela tinha apenas 6 meses.

visão parcial da área externa do Kids Club
De toda forma, no local havia uma sala com ar condicionado, onde a criança poderia tirar uma soneca, fazer atividades motoras e assistir tv. Havia banheiro, com banheira própria e produtos de higiene para alguma necessidade. Do lado de fora, vários brinquedos e piscina infantil. As fotos aqui apresentadas não retratam efetivamente o local, pois é melhor do que estes registros.

piscina do Kids Club

Da Praia

Mar calmo, sem ondas, cuja água é transparente, quentinha e limpa. Isso é o que encontramos à beira do Nannai.

rápido banho de mar matinal

No entanto, como Melina era muito pequenininha, todos os dias a levávamos ao mar, apenas para molhar o corpinho. Não que ela não merecesse desfrutar de um mar maravilhoso, mas, como pais de primeira viagem, preferimos que a nossa pequena não ficasse exposta a tanto sol, sem contar que a areia e o mar salgados ajudam a bronzear ainda mais e, para uma pele sensível como a dela, melhor seria não arriscar, certo?!


Da Área Externa


ô vidão!
Na área externa, como falei, podíamos desfrutar de um maravilhoso jardim tropical. Existiam também redes e algumas espreguiçadeiras em forma de camas, estas localizadas em pontos estratégicos, como às que ficavam à beira da praia, e onde podíamos ter uma visão VIP do mar. 

não sei se durmo ou se como mais um pouquinho...


Mas, porque ficar no Nannai é uma ótima opção para Mães e Pais viajarem com os filhos pequenos?

Ao que nos pareceu, o lema do resort é: venha, aproveite e descanse‼! Pois bem, isso era o que procurávamos‼ 

No caso do Nannai, constatamos que além de ser um resort child-friendly, os funcionários eram muito receptivos, os garçons estavam sempre pronto para nos atender, a área bastante silenciosas, as atividades por eles ofertadas não causavam estresse aos demais hóspedes que desejam relaxar e tudo, absolutamente, tudo que precisávamos para atender as necessidades da nossa pequena, tínhamos às mãos.

Diferentemente do que imaginávamos, as crianças são muito bem recebidas e possuem uma atenção especial do hotel. Verdade seja dita, a família que deseja um resort com música alta e diversas atividades à beira da piscina, vai ficar decepcionado, pois esta não é a proposta do Nannai. 

Do contrário, aquela família que deseja descansar com os filhos em um lugar calmo, tranquilo, exclusivo, com serviços de excelência, requinte e inebriante, o Nannai é o lugar‼!

Voltarei e voltarei quantas vezes forem possíveis, principalmente para trazer mais e mais novidades do lugar para todos vocês.

Beijinhos,

Rebecca Dedavid.


Serviços:


...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...